Automobilismo

Esportes

Fórmula 1

'Ter um talento excecional como o Marc Márquez é tanto uma benção como uma maldição' - Stefan Bradl

'ter um talento excecional como o marc márquez é tanto uma benção como uma maldição' - stefan bradl

‘Ter um talento excecional como o Marc Márquez é tanto uma benção como uma maldição’ – Stefan Bradl

Não há equipa de fábrica na MotoGP que não deseje ter na sua garagem Marc Márquez, oito vezes campeão do mundo e grande dominador da classe rainha desde a sua chegada, em 2013.

Mas o piloto de testes da Honda, Stefan Bradl, considera que quando se tem um prodígio como o piloto de Cervera isso acarreta ter outros focos de atenção devido à dimensão do talento do número 93. O alemão falou do tema citado no SPEEDWEEK.com:

– Ter um talento excecional como o Marc Márquez na equipa é tanto uma  benção como uma maldição. Não é fácil para o diretor de equipa e para as outras chefias na Honda. Uma vez cheguei a ler que o patrão da KTM, o Stefan Pierer, deu um motivo para não querer querer contratar o Márquez: se ganharem é graças ao piloto. E se perderem, a culpa é da moto. Esse era um dos motivos. É uma situação que não é fácil de gerir.

TOP STORIES