Automobilismo

Esportes

Viagem

Dakar: Luciano Benavides vence especial nas motos. Barreda Bort abandona

Luciano Benavides venceu nesta terça-feira (10) a nona especial do Rally Dakar, disputada entre as cidades de Riad e Haradh, na Arábia Saudita. Correndo com uma moto Husqvarna, o piloto argentino completou os 358 quilômetros da especial em 3h18min44s, vencendo pela segunda vez na atual edição da mais importante prova fora de estrada do mundo.

dakar: luciano benavides vence especial nas motos. barreda bort abandona

Luciano Benavides voou e venceu pela segunda vez neste Dakar. (Foto: Horacio Cabilla)

A segunda posição ficou com Toby Price, piloto da KTM que foi 1min02s mais lento em relação a Benavides. Skyler Howes, com uma Husqvarna, foi o terceiro melhor, sendo seguido por Tosha Schareina, piloto de uma KTM. O grupo dos cinco melhores do dia nas motos ainda contou com Romain Dumantier, que disputa a prova com uma Husqvarna.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!

Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter

Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

José Ignácio Cornejo Florimo completou a especial desta terça-feira com a sexta colocação com uma Honda, e foi seguido por Kevin Benavides, irmão de Luciano e piloto da KTM. Toni Mulec, com outra Husqvarna, completou o estágio com o oitavo lugar, terminando à frente de Martin Michek, com uma KTM. Franco Caimi, da Hero, foi o décimo.

LEIA MAIS:

Branch vence oitava especial e Dakar tem briga acirrada nas motos

Dakar: Luciano Benavides vence sexta especial nas motos. Howes lidera

Van Beveren vence especial nas motos e Howes toma liderança do Dakar

Barreda Bort vence especial, e Sanders vira líder do Dakar nas motos

Dakar: Sanders vence especial nas motos. Brabec abandona

Dakar: Mason Klein vence segunda especial e toma liderança na motos

O dia ainda foi marcado pelo abandono de um dos favoritos à vitória. Joan Barreda Bort sofreu um acidente com sua Honda logo no quilômetro 16 da especial, e precisou ser levado a um hospital em Riad, na capital saudita. O espanhol, que já corria com um dedo do pé lesionado, teve constatada uma fratura na vértebra horas depois, e está fora do Dakar.

Após a disputa da nona especial, o Dakar tem liderança de Howes, que soma 33h55min57s, aparecendo apenas três segundos à frente de Price, o segundo colocado. Kevin Benavides é o terceiro, 5min09s distante do ponteiro da prova, enquanto Adrien van Beveren é o quarto. Pablo Quintanilla completa a lista dos cinco melhores.

Lituano vence especial nos quadriciclos

Laisvydas Kancius venceu a especial entre os competidores dos quadriciclos. O lituano fechou os 358 quilômetros em 4h20min14s, marca 4min23s melhor em relação a Francisco Moreno Flores, o segundo colocado. Marcelo Medeiros, único brasileiro nesta classe, foi o terceiro, seguido por Alexandre Giroud e por Manuel Andujar, que completaram o top-5.

Giroud segue na liderança da prova, agora com 42h25min05s, marca 1h19min39s melhor em relação a Moreno Flores, o segundo colocado. Andujar aparece em terceiro, sendo seguido por Pablo Copetti, quarto melhor depois de nove especiais. Juraj Varga é o quinto, enquanto Medeiros ocupa a 11ª posição, fechando a tabela de tempos.

Nesta quarta-feira (11), o Dakar terá sua menor especial nesta edição, quando os competidores deixam Haradh e seguem para Shayab em um percurso cronometrado de 114 quilômetros.

O post Dakar: Luciano Benavides vence especial nas motos. Barreda Bort abandona apareceu primeiro em Racing Online.

TOP STORIES