Viagem

Barreda Bort vence especial, e Sanders vira líder do Dakar nas motos

Joan Barreda Bort venceu nesta quarta-feira (4) a quarta especial do Rally Dakar, disputada com largada e chegada na cidade de Há’il, na Arábia Saudita. Competindo com o dedão do pé fraturado, o espanhol da Honda percorreu os 425 quilômetros cronometrados do dia em 4h28min18s, garantindo sua primeira vitória nesta edição da mais importante prova fora de estrada do mundo.

barreda bort vence especial, e sanders vira líder do dakar nas motos

Barreda Bort venceu pela primeira vez uma especial neste Dakar. (Foto: Julien Delfosse)

A segunda posição ficou com Pablo Quintanilla, piloto da Honda que fechou a especial apenas 16 segundos atrasado em relação a Barreda Bort. Skyler Howes, com uma Husqvarna, foi o terceiro melhor do dia, sendo seguido por Toby Price, quarto com um equipamento da KTM. O grupo dos cinco melhores do dia ainda contou com Adrien van Beveren, da Honda.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!

Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter

Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Luciano Benavides, que compete com uma Husqvarna, fechou a quarta-feira na sexta posição, enquanto seu irmão, Kevin Benavides, foi o sétimo com uma KTM. Daniel Sanders, ganhador da especial da terça-feira, ficou com a oitava posição com uma GasGas, chegando à frente de José Ignacio Cornejo Florimo, nono com uma Honda. Lorenzo Santolino, com uma Sherco, fechou o top-10.

LEIA MAIS:

Dakar: Sanders vence especial nas motos. Brabec abandona

Dakar: Mason Klein vence segunda especial e toma liderança na motos

Ricky Brabec vence primeira especial do Dakar nas motos

Toby Price é o mais rápido do prólogo do Dakar nas motos

Quem não conseguiu ficar no grupo dos dez melhores da especial foi Mason Klein, 11º com uma KTM com um atraso de 12min08s em relação a Barreda Bort. Já o português Joaquim Rodrigues está fora da prova após lesionar a perna esquerda em uma queda sofrida no quilômetro 90. O representante da Hero foi levado ao hospital em Ha’il para ser avaliado.

Após quatro especiais, Sanders lidera o Dakar com um acumulado de 18h40min03s, aparecendo apenas 3min33s à frente de Howes, o segundo colocado. Kevin Benavides aparece em terceiro, sendo seguido por Barreda Bort. O grupo dos cinco melhores é completado por Price. Klein, que liderava até a especial da terça-feira, despencou para o sexto lugar.

Giroud mantém “monólogo” nos quadriciclos

Alexandre Giroud venceu mais uma vez entre os pilotos dos quadriciclos. Desta vez, o francês completou a especial em 5h52min17s, terminando com uma frente de 4min46s em relação a Manuel Andujar, o segundo colocado. Laisvydas Kancius foi o terceiro, seguido por Giovanni Enrico e Francisco Moreno Flores. Após duas especiais ruins, Marcelo Medeiros fechou o dia na nona posição.

A classificação geral do Dakar nos quadriciclos aponta Giroud na liderança com 22h49min35s, marca 47min04s melhor em relação a Moreno Flores, o segundo colocado. Andujar aparece em terceiro, sendo seguido por Kancius. Pablo Copetti completa a lista dos cinco melhores. Marcelo Medeiros subiu uma posição e é o 13º.

O Dakar terá mais uma etapa laço em Ha’il nesta quinta-feira (5), mas com um percurso de 373 quilômetros cronometrados, e 645 quilômetros totais.

O post Barreda Bort vence especial, e Sanders vira líder do Dakar nas motos apareceu primeiro em Racing Online.

TOP STORIES