Audi

Audi sente a pressão e está ciente dos desafios da F1

audi sente a pressão e está ciente dos desafios da f1

Audi sente a pressão e está ciente dos desafios da F1

A Audi entrará na Fórmula 1 em 2026 com a sua unidade motriz e equipa de fábrica em associação com a Sauber. Sendo um grande construtor automóvel, os objetivos não podiam ser outros que não os maiores êxitos possíveis – que visa conseguir começar a alcançar nos três anos subsequentes.

Por isso mesmo, a pressão é muita, perante um desafio de grande magnitude ao começar um projeto de motor do zero. Adam Baker, diretor de gestão da Audi, frisou à DPA que há consciência plena do que se está a enfrentar na F1 – realçando que a pressão é não só externa, como também interna:

– Estamos sempre a sentir a pressão do exterior, mas esperávamos isso. Estamos conscientes dos desafios que há pela frente, mas já temos uma ideia clara do que será preciso para termos sucesso em 2026. Isso certamente torna mais intensa a pressão dentro da nossa própria estrutura’.

TOP STORIES