Brasil

Saída para o feriado de Natal tem trânsito lento na Dutra e Fernão Dias; veja situação das rodovias

Quer se manter informado, ter acesso a mais de 60 colunistas e reportagens exclusivas?Assine o Estadão aqui!

As principais rodovias que partem de São Paulo no sentido interior, litoral e outros Estados registram poucos pontos de lentidão na noite desta sexta-feira, 23. As únicas pistas que apresentam maior quantidade de congestionamento é a Via Presidente Dutra, que conecta São Paulo ao Rio de Janeiro (confira os pontos abaixo), devido a obras e excesso de carros, e também a rodovia Fernão Dias. Régis Bittencourt também registra congestionamento.

No feriado, são esperados que 7 milhões de veículos passem pelas estradas nos próximos dias: 4,2 milhões nas rodovias estaduais, sendo a maioria partindo da região metropolitana de São Paulo e seguindo em direção ao interior e ao litoral; e 3 milhões passando pelas estradas federais (Dutra, Fernão Dias e Régis Bittencourt), que ligam o Estado paulista ao Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná.

saída para o feriado de natal tem trânsito lento na dutra e fernão dias; veja situação das rodovias

Movimentação de veículos na rodovia dos Tamoios, que liga São José dos Campos a Caraguatatuba. Foto: TABA BENEDICTO / ESTADAO CONTEUDO

Anchieta e Imigrantes

No Sistema Anchieta-Imigrantes, que liga a capital paulista ao litoral do Estado, a situação do trânsito é considerada normal nos dois sentidos na noite desta sexta-feira, de acordo com a EcoVias. Sem trânsito, o tempo de duração para descer a serra pela Imigrantes até Santos é de 45 minutos, e de 56 se o destino for Guarujá. Pela Anchieta, usada para a descida de caminhões, o tempo da viagem é um pouco maior: 57 minutos para Santos e 67 para o Guarujá.

Anhanguera e Bandeirantes

Nas rodovias Anhanguera (SP 330) e Bandeirantes (SP 348), que ligam a capital e o interior do Estado (Jundiaí e região de Campinas), o trânsito nos dois sentidos também é considerado normal, de acordo com a última atualização feita pela CCR Autoban, às 20h15 desta sexta-feira.

Raposo Tavares e Castello Branco

O Sistema Castello-Raposo, que conecta a região metropolitana de São Paulo a cidades como São Roque e Sorocaba, também apresenta tráfego normal nos dois sentidos, de acordo com a CCR. A última atualização feita pela concessionária foi às 20h25.

Tamoios

Até a última atualização, por volta das 19h, a Tamoios – que liga São José dos Campos a Caraguatatuba (litoral norte de SP) – apresenta trânsito livre e sem acidentes. Nesta quinta-feira, a rodovia precisou ser interditada por conta das fortes chuvas na região e risco de deslizamento de terra. A via só foi liberada às 23h, 13 horas depois do início do bloqueio. Os motoristas foram direcionados para as pistas da serra nova e tiveram que descer o trecho em sistema de comboio.

Rio-Santos

Outra pista a sofrer com interdição por conta do risco de deslizamento, a Rio-Santos (BR 101), que vai de Ubatuba (SP) a Paraty (RJ), não apresenta pontos de lentidão, de acordo com a concessionário CCR Rio. Na última quarta-feira, a via precisou ser bloqueada também em função do risco de deslizamento de terra provocado pelos fortes temporais.

Presidente Dutra

Na rodovia que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, há tráfego intenso e pontos de congestionamentos provocados por excesso de carros e obras, segundo a última atualização, às 21h25, da CCR Rio, concessionária que administra a rodovia.

  • Sentido Rio de Janeiro – São Paulo: Tráfego lento na altura de Nova Iguaçu, entre o km 178 e o km 184;
  • Sentido Rio de Janeiro – São Paulo: Obras na pista: tráfego fluindo pela faixa da esquerda no km 214 e no km 218;
  • Sentido São Paulo – Rio de Janeiro: Tráfego intenso entre Barra Mansa, no km 299 até o km 288;
  • Sentido São Paulo – Rio de Janeiro: Tráfego lento na pista Marginal, em Guarulhos, entre o km 219 e 218;

Régis Bittencourt

Na Rodovia Régis Bittencourt, foram identificados três pontos de lentidão. No sentido de Curitiba a São Paulo, há trânsito entre o km 284, na altura de Itapecerica da Serra (SP), e o km 279 (Embu das Artes).

No sentido de São Paulo a Curitiba, a lentidão é sentida praticamente no mesmo trecho, mas com o término do congestionamento só no km 285. Em ambos os sentidos, há lentidão entre km 270 e o km 268,9, na altura de Taboão da Serra. Os dados foram atualizados pela Arteris Régis por volta das 20h. O trânsito nos locais vêm sendo sentido há cerca de cinco horas.

Fernão Dias

Para os condutores que pegarem a rodovia Fernão Dias, que conecta São Paulo a Belo Horizonte, há diversos pontos de lentidão que são sentidos desde o final da tarde.

Com sentido para a capital mineira, há congestionamentos nas alturas do km 62, altura de Mairiporã (SP), ao km 52, em Atibaia (SP); do km 42 ao km 36, também em Atibaia; e do km 501 ao km 499, em Betim (MG). No sentido para Guarulhos (SP), o trânsito se encontra nos seguintes trechos: km 480 ao km 481, em Contagem (MG); do km 38 ao km 41, em Atibaia; e no km 55 ao km 60, em Mairiporã.

TOP STORIES