Motos

‘A sensação da moto de MotoE é parecida à de MotoGP’ – Michele Pirro

‘a sensação da moto de motoe é parecida à de motogp’ – michele pirro

‘A sensação da moto de MotoE é parecida à de MotoGP’ – Michele Pirro

Enquanto piloto Ducati, Michele Pirro teve a chance de testar a moto que o construtor vai fornecer ao Mundial de MotoE a partir de 2023. Como é natural, trata-se de uma máquina distinta daquelas a que está habituado com motores de combustão, mas segundo as suas próprias palavras não são diferenças radicais.

Citado pelo site SPEEDWEEK.com, o italiano deu conta de sensações parecidas à das motos de competição normais, inclusive ao nível do binário: ‘A primeira rodagem com a MotoE foi ótima. Estava à espera de uma moto com manobragem difícil porque o peso é um pouco maior do que o de uma moto de MotoGP. Contudo, depois da primeira volta, senti que não era um grande problema. A sensação é parecida à de uma moto de MotoGP ou de Superbike. Acima de tudo, o binário dá boas sensações, aproxima-se muito do das motos que piloto normalmente – a MotoGP, a Superbike ou a Panigale V4’.

Pirro referiu que, esquecendo a questão do ruído e da inexistência de caixa de velocidades, a Ducati de MotoE aparenta ser uma moto normal e transmite boas sensações: ‘Exceto o ruído, a reação é parecida às outras motos no que toca ao chassis ou manobragem. Seguramente falta a caixa de velocidades, mas depois de três ou quatro voltas parece como uma moto normal, só sem o som. É diferente, soa mais como um jato. No entanto, no geral, a sensação é muito boa’.

TOP STORIES