Esportes

'A meta era não cometer erros de navegação e acima de tudo, evitar quedas' - Ross Branch

'a meta era não cometer erros de navegação e acima de tudo, evitar quedas' - ross branch

‘A meta era não cometer erros de navegação e acima de tudo, evitar quedas’ – Ross Branch

Ross Branch teve na Arábia Saudita uma etapa complicada, ainda para mais depois de na primeira etapa ter sofrido uma série de quedas. Acabou em quarto num dia em grande para a Hero Motosports, que viu Sebastian Buhler brilhar com o segundo lugar na etapa.

O piloto do botsuano tentou fazer uma prova estável e sem percalços ed foi premiado com o top cinco na segunda tirada do Dakar. Eis a sua análise ao seu desempenho:

– Hoje tivemos uma secção longa e rochosa, provavelmente foi uma das mais longas que alguma vez fiz no Dakar. Seja como for, o dia correu-me bem. Não tinha a certeza do nosso andamento todo o dia, pelo que a meta era não cometer erros de navegação e acima de tudo, evitar quedas. Estou feliz por acabarmos numa boa posição para a próxima etapa. que vai ser longa.

TOP STORIES